Brasil

Morgan Stanley tem queda de 18% no lucro do 2º tri

(Reuters) – O lucro do Morgan Stanley caiu 18% no segundo trimestre, pressionado por queda nos negócios em Wall Street que atingiu a divisão de banco de investimento da instituição.

A receita do banco de investimentos do Morgan Stanley foi de 1,16 bilhão de dólares, em linha com o ano passado. Dados da Dealogic mostraram que a atividade global de fusões e aquisições caiu 36% em comparação com o ano anterior. Ainda assim, um crescimento em relação ao primeiro trimestre gerou esperanças de recuperação em breve.

O presidente-executivo do Morgan Stanley, James Gorman, citou um “ambiente de mercado desafiador” no trimestre, que “começou com incertezas macroeconômicas e atividade de cliente moderada, mas terminou com um tom mais construtivo”.

O copresidente do Morgan Stanley, Andy Saperstein, havia dito em maio que os resultado de operações de vendas e negociações de ativos “serão notavelmente menores em relação ao segundo trimestre do ano passado”, enquanto “os bancos de investimento enfrentam grandes desafios”.

A receita do banco proveniente da gestão de ativos caiu 2%. O Morgan Stanley estabeleceu meta para aumentar ativos sob gestão para 10 trilhões de dólares, anunciou a instituição em maio, acrescentando que estava aberta a aquisições.

A receita do Morgan Stanley subiu 2%, para 13,46 bilhões de dólares, enquanto as despesas aumentaram 8%, para 10,48 bilhões.

O lucro aplicável aos acionistas ordinários do Morgan Stanley caiu para 2,05 bilhões de dólares, ou 1,24 dólar por ação, informou o banco nesta terça-feira. Esse valor é inferior aos 2,39 bilhões, ou 1,39 dólar por papel apurado um ano antes.

(Por Tatiana Bautzer em Nova York e Mehnaz Yasmin e Niket Nishant em Bengaluru, Índia)

To Top