Esportes

Fausto Vera e Vítor Pereira: processos contra o Corinthians correm na Fifa e na Justiça

Nesta sexta-feira, vieram à tona mais dois processos milionários aos quais o Corinthians responde. O técnico português Vítor Pereira pede à Justiça do Trabalho R$ 7,58 milhões por valores não recebidos sobre FGTS, férias e 13º salário. Já a Fifa mandou o clube alvinegro pagar ao Argentinos Juniors US$ 3,5 milhões (R$ 17,4 milhões, no cotação atual), acrescidos de 18% ao ano de juros, pela contratação de Fausto Vera.

O clube do Parque São Jorge informa que não se manifesta sobre processos pendentes e afirmou, quanto ao processo movido pelo Argentinos Juniors, que “tem recurso em andamento na Corte Arbitral do Esporte, que suspendeu a dívida. A cobrança se deu pela falta do pagamento da parcela de julho de 2023, o que acarretou no vencimento antecipado da parcela de julho de 2024?.

Vítor Pereira dirigiu o Corinthians entre fevereiro e novembro de 2022 e foi vice-campeão da Copa do Brasil. O português se desligou do clube alegando questões particulares, mas poucas semanas depois foi contratado pelo Flamengo, onde não teve sucesso e ficou poucos meses em 2023.

O processo movido por Vítor Pereira corre no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, em São Paulo. Segundo informações do ge, as divergências entre o treinador e o Corinthians sobre valores pagos ao longo de 2022 começaram em março do ano seguinte e se referiam a quantias devidas previstas em contrato.

O contrato de Vítor Pereira com o Corinthians previa o pagamento de R$ 2 milhões mensais de salário e um valor de € 2,84 milhões (R$ 15,25 milhões) a ser recebido pelo treinador até o encerramento do vínculo. O técnico, então, cobrou do clube uma dívida de € 487,2 mil.

O Corinthians divergiu os valores, admitiu uma dívida de € 44.700,42 (R$ 221,66 mil) e saldou tais valores. Como havia essa diferença, Vítor Pereira decidiu processar o Corinthians na Fifa. O clube foi condenado a pagar os € 487,2 mil. Agora, o treinador português entende que tem outros valores a receber, incluindo FGTS, férias e terço constitucional, 13º salário e multa prevista na CLT.

Fausto Vera

No dia 6 de novembro, a Fifa mandou o Corinthians efetuar o pagamento devido ao Argentinos Juniors pela contratação do volante Fausto Vera. De acordo com a decisão da entidade, o clube alvinegro teria de quitar US$ 3,5 milhões (R$ 17,4 milhões, no cotação atual), acrescidos de 18% ao ano de juros – contados a partir de 2 de julho de 2023 -, em até 45 dias após a notificação.

Caso não efetue o depósito na conta do Argentinos Juniors, o Corinthians ficará impedido de registrar novos atletas por até três janelas de transferências consecutivas.

To Top