Benefícios

Cadastro Único; valores que podem ser pagos pelos programas sociais e como fazer inscrição

Cadastro unico
Sidney de Almeida/Shutterstock.com

Cadastro Único; valores que podem ser pagos pelos programas sociais e como fazer inscrição O Cadastro Único é um grande mapa das famílias de baixa renda no Brasil. Ele mostra ao governo quem essas famílias são, como elas vivem e do que elas precisam para melhorar suas vidas.

Por que é importante fazer o cadastro?

Porque com o Cadastro Único, as famílias de baixa renda podem receber benefícios sociais, como: o Bolsa Família e desconto na conta de luz. Os benefícios variam de acordo com cada família cadastrada.

Quem pode se cadastrar?

As famílias que vivem com renda mensal de até meio salário-mínimo por pessoa podem e devem ser registradas no Cadastro Único.

Famílias com renda acima desse valor podem ser cadastradas para participar de programas ou serviços específicos.

Fique atento! O cadastramento leva em conta se as famílias fazem parte de povos e comunidades tradicionais ou de grupos específicos. Entre eles, estão: indígenas, quilombolas, ribeirinhos e população em situação de rua. Afinal, o lema do Cadastro Único é “Conhecer para incluir”.

Quem mora sozinho pode se cadastrar?

Pessoas que moram sozinhas podem se cadastrar, sim.

Mas então por que o governo está avaliando os cadastros de quem mora sozinho?

Acontece que, no ano passado, muita gente se cadastrou dizendo que mora sozinha, mas mora com a família. Isso é muito ruim, porque famílias que precisam ficam sem o benefício, enquanto outras recebem duas vezes.

Se você se cadastrou sozinho, mas mora com sua família, clique aqui ou baixe o aplicativo do Cadastro Único e cancele o seu cadastro. É necessário clicar em “Consulta Completa”, fazer o login “gov.br” e depois clicar em “Cancele o seu cadastro”.

Se você mora sozinho mesmo, procure o posto de atendimento do Cadastro Único na sua cidade para atualizar seus dados.

Como eu faço para me cadastrar?

Qualquer família de baixa renda pode se cadastrar no Cadastro Único, é de graça!

O cadastro é feito pessoalmente, num posto de atendimento na cidade onde a família mora.

O responsável pela família precisa ir ao local de atendimento para fazer o cadastro, levando os documentos de todas as pessoas da família que moram com ela. É importante levar os CPFs de todos e um comprovante de residência, de preferência a conta de luz.

Cada pessoa deve estar cadastrada com a sua família.

Quais programas sociais usam o Cadastro Único?

As famílias cadastradas, dependendo de suas condições, podem ter acesso a vários programas sociais. Só do governo federal são dezenas de programas.

Fique atento! Muitos estados e municípios têm seus próprios programas que utilizam o Cadastro Único. Confira no CRAS* ou no Posto de Cadastramento se esse é o caso da sua cidade ou do seu estado.

*Centro de Referência de Assistência Social

Alguns dos principais programas e benefícios federais que utilizam o Cadastro Único são o Bolsa Família, o Benefício de Prestação Continuada (BPC), a Tarifa Social de Energia Elétrica e a Carteira da Pessoa Idosa. Clique abaixo para saber mais sobre esses programas.

  • Bolsa Família
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC)
  • Tarifa Social de Energia Elétrica
  • Carteira da Pessoa Idosa

Mas tem muito mais programas além desses que usam o Cadastro Único, viu? Água Para Todos (Cisternas), Minha Casa Minha Vida e Isenção de Taxa em Concursos Públicos são apenas alguns deles!

O que é a atualização cadastral?

Não basta fazer o cadastro, é preciso manter os dados da sua família atualizados.

Se sua família mudou de endereço, as crianças mudaram de escola, vieram pessoas novas morar na casa, alguém mudou de emprego ou perdeu o trabalho, a pessoa responsável pela família precisa ir ao local de atendimento* para atualizar o cadastro.

É importante levar os documentos de todas as pessoas da família, principalmente os CPFs de todos. E é bom levar um comprovante de residência, de preferência a conta de luz.

Como consultar os dados do Cadastro Único?

As famílias cadastradas podem ter acesso às informações do Cadastro Único diretamente pelo site https://cadunico.dataprev.gov.br ou pelo aplicativo do Cadastro Único.

No site ou aplicativo, a família pode obter um comprovante de cadastramento, clicando em “Consulta Simples”. Nesse caso, basta fornecer alguns dados de identificação da pessoa cadastrada.

A família também pode ter acesso ao cadastro completo e até consultar alguns programas sociais que recebe, como o Bolsa Família e o BPC. Para isso, é preciso clicar em “Consulta Completa”, fazer o login “gov.br” e depois navegar pelos botões do sistema.

To Top