Esporte

Santos divulga o encerramento do transfer ban após receber comunicado da Fifa

Santos espera recuperar lesionados e desgastados durante pausa do Brasileirão

O Santos informou, nesta terça-feira, que a Fifa enviou um comunicado sobre o fim do processo de transfer ban no caso de Lucas Ochandorena, auxiliar-técnico do então treinador Fabián Bustos. De acordo com o portal oficial do clube, a decisão deve ser publicada em breve no site da entidade.

O transfer ban, punição aplicada pela Fifa em razão de uma dívida no mercado do futebol, havia sido imposto pela entidade com a data de 2 de julho. A equipe santista tinha uma dívida de cerca de R$ 964 mil com o profissional, mas selou um acordo de quitação.

A forma de pagamento também já foi acertada. Ochandorena deve receber o valor total em dez parcelas. O primeiro pagamento da dívida já foi feito no início deste mês pela gestão do presidente Marcelo Teixeira.

Dessa maneira, o Santos volta a ter condição de aproveitar a janela de transferências para buscar reforços. Na pauta do departamento de futebol estão a vinda de pelo menos cinco reforços para a sequência da disputa da Série B.

Ochandorena trabalhou por pouco tempo no clube. Ele chegou junto com a comissão técnica de Fabián Bustos no fim de fevereiro de 2022. No início de julho, o treinador e sua equipe foram demitidos. O próprio técnico cobrou o Santos na Fifa por uma dívida de R$ 4,7 milhões, o que também gerou um transfer ban ao time da Vila Belmiro em fevereiro deste ano – a pendência foi quitada no fim do mesmo mês.

To Top