Dia de Sorte Mega-Sena Loterias Caixa
Benefícios

Aposta feita em Cerro Largo (RS) acerta sozinha as sete dezenas do Dia de Sorte

Um bilhete comprado na lotérica Trevo da Sorte, localizada na Rua Helmuth Schimidt, 627, no centro de Cerro Largo (RS), foi o grande vencedor do concurso de número 16 do Dia de Sorte, nova modalidade de loteria da CAIXA. Os números sorteados foram 01, 02, 07, 12, 16, 20 e 25. O valor do prêmio é de exatos R$ 3.377.345,30.

Na segunda faixa de premiação, 241 apostas acertaram seis dias e levarão, cada uma, R$ 1.693,41. Já 7.762 apostas fizeram 5 pontos e levarão o prêmio fixo de R$ 20,00. Outras 94.887 apostas fizeram 4 pontos e terão o direito de sacar o valor fixo de R$ 4,00.

A modalidade também premia quem acerta o Mês da Sorte. Neste sorteio, o mês foi o de outubro. 351.229 apostas acertaram e receberão R$ 2,00 cada uma.

O próximo sorteio será realizado nesta quinta-feira (28), no Caminhão da Sorte, que continua em Campina Grande (PB). A previsão para o prêmio principal é de R$ 600.000,00.

Como jogar
Para jogar no Dia de Sorte, basta marcar de 7 a 15 números dentre os 31 disponíveis e escolher um mês da sorte. A cada concurso, são sorteados sete números e um mês da sorte. Ganha o bilhete que tiver de quatro a sete acertos dos sete números sorteados. Se acertar o mês da sorte, o apostador também ganha. Os sorteios do Dia de Sorte são realizados três vezes por semana (terças-feiras, quintas-feiras e sábados). O preço da aposta simples, com sete números, é R$ 2.

Antigos volantes valem até acabar o estoque
A substituição dos volantes é gradativa, na medida em que os lotéricos solicitam novos estoques. Os antigos não perdem a validade e devem ser utilizados até que terminem. “A produção dos novos volantes iniciou em setembro de 2017 e a expectativa é que até a metade deste ano estejam em todas as lotéricas”, explica o superintendente da CAIXA.

A produção dos volantes lotéricos busca garantir estoque para dois meses, seguindo a média de consumo de cada uma das mais de 13 mil lotéricas pelo país. No total são produzidos 240 milhões de volantes por mês, que são repostos conforme o estoque de cada lotérica vai reduzindo.

Os volantes são produzidos em uma gráfica localizada em Juiz de Fora (MG) e entregue a uma distribuidora que fica em São Paulo (SP). Esta é a responsável por abastecer todas as casas lotéricas do país mediante solicitação do lotérico.

Mais espaço para apostar
Os jogos mais procurados, Mega-Sena, Quina, Lotofácil e Dupla Sena, ganharam mais um quadro de apostas. No volante anterior, o apostador tinha a opção de fazer duas apostas; no novo, são três. “O objetivo é facilitar a realização de mais apostas em um único volante e assim economizar no consumo do papel”, afirma Braga.

Aposta feita em Cerro Largo (RS) acerta sozinha as sete dezenas do Dia de Sorte
To Top