Salário mínimo em 2020 aumentará para R$ 1.045 a partir de fevereiro
Benefícios

Salário mínimo em 2020 aumentará para R$ 1.045 a partir de fevereiro

dinheiro inss pis pasep

Salário mínimo em 2020 aumentará para R$ 1.045 a partir de fevereiro. O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (14) que o governo fará um novo reajuste do salário mínimo para recompor integralmente a inflação. A partir de 1º de fevereiro, o valor será de R$ 1.045.

Após reunião com o ministro Paulo Guedes (Economia), o presidente afirmou que enviará uma nova MP (Medida Provisória) ao Congresso para substituir a proposta enviada em dezembro, que reajustava o piso salarial do país de R$ 998 para R$ 1.039.

Garantido novo reajuste de 4,48% para aposentadorias e pensões do INSS(Abre numa nova aba do navegador)

O valor anterior estipulado em dezembro, que levou em conta a inflação de janeiro a novembro de 2019 mais uma estimativa para dezembro, ficou abaixo da inflação oficial, divulgada na última semana, de 4,48%.

O novo cálculo, com o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) integral de 2019, apontou para a cifra de R$ 1.045.”

“Nós tivemos uma inflação atípica em dezembro, não esperávamos que fosse tão alta assim, mas foi tudo basicamente da carne”, afirmou o presidente.

Segundo interlocutores de Guedes, a medida deve prever que o reajuste tenha validade apenas a partir de fevereiro, sem efeito retroativo para janeiro. O salário válido para este mês será mantido em R$ 1.039.

A decisão de promover um novo aumento havia criado um impasse jurídico na equipe do governo. Técnicos relatavam dúvidas sobre se a Constituição permitia ao Executivo editar uma nova MP com teor semelhante à apresentada em dezembro.

Outra possibilidade, de levar sugestões para serem incluídas na MP que já tramita no Legislativo, faria com que o reajuste demorasse a ser efetivado porque o texto ainda dependeria de avaliação dos parlamentares, que estão em recesso.

Segundo Bolsonaro, as duas MPs vão tramitar conjuntamente e devem ter a relatoria de um parlamentar, que ficará responsável por fazer o acerto de valores.

Cadastro Único e FGTS em 2020: regras e informações(Abre numa nova aba do navegador)

O impacto fiscal do novo aumento foi estimado em R$ 2,13 bilhões. O governo paga benefícios previdenciários e assistenciais vinculados ao salário mínimo.

“Vamos ter que achar os recursos para fazer isso”, afirmou Guedes. De acordo com o ministro, o governo deve anunciar até a próxima semana uma nova arrecadação, de R$ 8 bilhões, que deve acomodar esse gasto adicional. (Folha)

INSS: Veja quanto terá de desconto no seu salário neste ano(Abre numa nova aba do navegador)

To Top