Corte energia aos finais semana estão proibidos após aprovação lei
Benefícios

Corte energia aos finais semana estão proibidos após aprovação lei

Corte energia aos finais semana estão proibidos após aprovação lei. O presidente Jair Bolsonaro sancionou lei que proíbe distribuidoras de energia elétrica de realizarem cortes de luz de clientes sem aviso prévio e durante finais de semana ou feriados. Baixe o Aplicativo Gratuito do Portal Mix Vale

A sanção, publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira, segue-se à aprovação de projeto de lei com a proposta pelo Senado.

O autor da matéria, senador Weverton Rocha (PDT-MA), defendeu a necessidade da medida ao alegar que consumidores inadimplentes acabam penalizados porque não conseguem pagar as contas nesses dias para religação imediata.

Aneel aprova mecanismos para mitigar efeito de sobrecontratação de distribuidoras(Abre numa nova aba do navegador)

Segundo a lei, fica vedada a suspensão do serviço por inadimplemento em sextas-feiras, sábados e domingos, bem como em feriados ou vésperas.

Também fica definido que as distribuidoras devem comunicar o consumidor sobre o corte e o dia em que ele ocorrerá, sendo que não haverá cobrança de taxa de religação em caso de descumprimento da exigência de notificação prévia, o que também gerará multa às concessionárias.

Coronavírus leva todos os setores privados a cortar vagas(Abre numa nova aba do navegador)

No momento, cortes de energia por inadimplência para clientes residenciais e serviços essenciais estão suspensos até o final de julho pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em medida que visa aliviar impactos negativos da pandemia de coronavírus sobre os consumidores.

Corte na conta de luz proíbido até 31 de julho(Abre numa nova aba do navegador)

(Por Luciano Costa)

To Top