Fux e Bolsonaro têm primeiro encontro para estabelecer diálogo institucional entre Poderes

.

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, e o presidente Jair Bolsonaro reuniram-se nesta terça-feira, em encontro solicitado pelo chefe do Executivo, para estabelecer o “diálogo institucional entre os líderes e reforça a harmonia entre os Poderes”, segundo a Assessoria de Comunicação da presidência do STF.

Esse foi o primeiro encontro de ambos após Fux assumir o comando do Supremo, no mês passado.

“A reunião durou cerca de 45 minutos e aconteceu sem a presença de assessores ou ministros. Na oportunidade, o presidente Fux apresentou as principais diretrizes da gestão à frente do STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para o biênio 2020/2022. Fux destacou ao presidente da República que pretende fortalecer a vocação constitucional do Supremo”, informou.

O presidente do Supremo, segundo a assessoria, elencou também os eixos da gestão, como proteção aos direitos humanos e do meio ambiente; garantia da segurança jurídica para a otimização do ambiente de negócios no país; combate à corrupção, ao crime organizado e à lavagem de dinheiro, com a consequente recuperação de ativos; incentivo ao acesso à justiça digital.

Fux e Bolsonaro não se pronunciaram ao final do encontro, realizado no Supremo.

Bolsonaro teve uma boa relação com o ex-presidente do STF Dias Toffoli –que chegou a avalizar a indicação do desembargador Kassio Nunes ao Supremo–, mas não tem um trânsito fluído com o atual presidente da corte.

(Reportagem de Ricardo Brito)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG9C1T3-BASEIMAGE