Benefícios

Liberação de Aposentadoria pelo INSS para idades entre 55 e 65 anos de idade

inss previdencia social aposentadoria
Imagem Mix Vale

Liberação de Aposentadoria pelo INSS para idades entre 55 e 65 anos de idade Aqueles que estão na faixa etária de 55 a 65 anos agora têm um método seguro, confiável e gratuito para saber quando podem se aposentar. A aposentadoria é um momento esperado e, para garantir que você está no caminho certo, é crucial entender os novos critérios estabelecidos pelo INSS. Vamos explorar as principais etapas e requisitos para garantir que seu processo de aposentadoria seja tranquilo e sem surpresas.

Primeiro Passo: Verifique Seu Tempo de Contribuição

A primeira pergunta que você deve fazer é: “Quanto tempo de contribuição eu tenho?” Este é um passo fundamental, pois, além da idade, é necessário ter pelo menos 15 anos de contribuição para ter direito ao benefício.

  • Contribuições em Atraso: Não são computadas.
  • Contribuições Abaixo do Salário Mínimo: Também não são consideradas.

Regularização do Tempo de Contribuição

Se você verificar que suas contribuições estão irregulares e não somam os 15 anos exigidos, existem duas alternativas para corrigir essa situação:

  1. Tempo de Trabalho Não Registrado:
    • Se você trabalhou como empregado e não foi registrado, pode recuperar esse tempo sem precisar indenizar a Previdência, pois a responsabilidade pela contribuição era do empregador.
  2. Trabalho Autônomo Pós-2003:
    • Autônomos que prestaram serviço para empresas a partir de 2003 podem recuperar o tempo de contribuição sem custos adicionais, pois a responsabilidade pelo recolhimento do INSS era da empresa.

Aposentadoria por Idade a Partir dos 55 Anos

A aposentadoria por idade urbana ou híbrida (tempo urbano e rural alternados) é a regra mais comum:

  • Homens: 65 anos.
  • Mulheres: 62 anos (novo requisito a partir de 2023).

Para trabalhadores rurais ou pessoas com deficiência, as regras são diferentes:

  • Mulheres: 55 anos.
  • Homens: 60 anos.

Processo de Solicitação de Aposentadoria

O processo de solicitação da aposentadoria deve começar no INSS. Somente após isso, caso haja alguma disputa, o trabalhador deve recorrer à Justiça. O benefício será baseado no CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais), que é o extrato previdenciário oficial do INSS.

  • Correção do CNIS: É fundamental garantir que todas as informações no CNIS estejam corretas. Qualquer erro pode resultar na negação do benefício ou na concessão de um valor incorreto. Corrigir o banco de dados da Previdência antecipadamente pode acelerar o processo de aprovação, pois facilita a compreensão do sistema automatizado do INSS.

Emitir Extrato de Contribuição (CNIS)

É o documento que informa todos os seus vínculos, remunerações e contribuições previdenciárias,  encontrados no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

É possível verificar 3 (três) tipos de extratos:

  • Relações Previdenciárias – com informações dos períodos trabalhados e/ou contribuídos;
  • Relações Previdenciárias e Remunerações  com informações dos períodos trabalhados e/ou contribuídos e os valores das remunerações;
  • Ano Civil – com informações das contribuições, ano a ano, a partir de 11/2019.

Este pedido é realizado totalmente pela internet, você não precisa ir ao INSS.

To Top