Manifestantes interromperam tráfego em rodovia contra a reforma da Previdência

Manifestantes protestam contra morte de jovem no Extra

Uma manifestação contra a Reforma da Previdência interditou a rodovia BR-101 na manhã desta quarta-feira, 20, na altura de Casimiro de Abreu, no norte do estado do Rio de Janeiro.

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada e informou que a pista da rodovia foi fechada por causa de um protesto contra a reforma Previdenciária organizado pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag) e pela Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB).

Segundo a Arteris Fluminense, empresa que detém a concessão de 322 quilômetros da rodovia no trecho que liga a cidade de Niterói até Campos dos Goytacazes, os manifestantes interromperam o tráfego nos dois sentidos da BR-101, na altura do quilômetro 208.

Às 10h35, o trânsito de veículos foi liberado em meia pista, de acordo com a PRF. A rodovia foi totalmente aberta ao tráfego apenas perto das 11h.

A concessionária publicou uma foto da interdição em uma rede social, mostrando uma barreira montada na pista construída com objetos que foram incendiados.

O protesto causou congestionamento na via. No sentido Niterói o engarrafamento se prolongou por até cinco quilômetros, e no sentido Espírito Santo a retenção se estendeu por dois quilômetros.

Daniela Amorim
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.