Benefícios

Poupança rende 3,85% ao ano e fundos sofrem em 2019

Taxa Selic

Poupança rende 3,85% ao ano e fundos sofrem em 2019. Taxa Selic cai ao menor nível da história; estudo mostra que, mesmo com rendimento menor, poupança ganha da maioria dos fundos de renda fixa.

O Comitê de Política Econômica (Copom) derrubou a taxa de juros básica da economia, a taxa Selic, para o novo recorde mais baixo da história — 5,50% ao ano.

Com essa nova queda, a rentabilidade da poupança cai a 3,85% ao ano, ou 0,32% ao mês, mas mesmo rendendo pouquinho ela ainda consegue pagar mais que fundos de renda fixa com taxa de administração acima de 1% ao ano, mostra estudo da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).

Quando a taxa Selic está abaixo de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança cai de 0,5% ao ano + TR (Taxa Referencial) para 70% da Selic mais TR.

Veja a comparação dos rendimentos no quadro:

Arte/R7

Compare os rendimentos

Se alguém investir R$ 10 mil na poupança, teria um rendimento de 3,85% ao ano, ou R$ 385, totalizando R$ 10.385 na aplicação.

Se escolhesse um fundo de investimento com taxa de administração de 0,5%, o retorno seria de 4,16%, ou R$ 416.

Com uma taxa de administração de 1%, o rendimento já cai abaixo de 4% ao ano, mas ainda tem um rendimento maior que o da poupança: 3,91% ou R$ 391. Observe, porém, para que isso aconteça o dinheiro precisa ficar investido por um ano. Se ficar por menos de seis meses, o rendimento do fundo perde da poupança e entre seis meses um ano, o rendimento empata com o da caderneta.

A uma taxa de 1,5% ao ano, o rendimento do fundo passa a perder da poupança. A aplicação teria retorno de 3,66% ou R$ 366. Nesse nível de taxa, só mantendo o dinheiro por dois anos para ganhar do rendimento da poupança.

Taxas superiores a 2% ao ano detonam o investimento

Com taxa a 2% ao ano, o rendimento dos fundos perde da poupança em qualquer período de tempo que o investidor mantiver o dinheiro aplicado. Em um ano, o rendimento seria de R$ 354, ou 3,54% ao ano.

Se esse fundo cobrar 3% ao ano, o que não é difícil de acontecer no caso de o investidor ter pouco dinheiro para aplicar, o rendimento despenca: 3,04% ou R$ 304. Na contagem mensal, o investidor que deixar o dinheiro aplicado com essa taxa por apenas seis meses em um fundo, obtém um retorno de 0,24% ao mês, ante 0,32% da poupança.

To Top