Trigo avança em Chicago com coberturas de vendidos; milho se firma

83

Por Julie Ingwersen

CHICAGO (Reuters) – Os contratos futuros do trigo em Chicago atingiram seu maior nível em quase uma semana nesta terça-feira, à medida que a piora das condições do cereal norte-americano e preocupações relacionadas às safras do Hemisfério Sul impulsionaram uma rodada de coberturas de vendidos, disseram analistas.

O milho se firmou com sinais de melhorias nas perspectivas de exportação dos Estados Unidos, enquanto os futuros da soja permaneceram praticamente estáveis, devolvendo ganhos do início da sessão.

O contrato dezembro do trigo fechou em alta de 4,75 centavos de dólar, a 5,12 dólares por bushel. O milho para dezembro avançou 2,25 centavos, para 3,70 dólares/bushel. O vencimento janeiro da soja subiu 1,25 centavo, a 9,1150 dólares o bushel.

O trigo registrou o maior avanço percentual da sessão, após o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, na sigla em inglês) fixar 52% da safra norte-americana do trigo de inverno em condições boas a excelentes, ante 54% na semana anterior. Analistas esperavam, em média, um recuo de apenas 1 ponto percentual.

“O clima nos EUA e o declínio nas condições estão ajudando o mercado”, disse Terry Reilly, analista sênior da Futures International.

Operadores continuam a monitorar as safras na Austrália e na Argentina, onde o tempo seco levou à diminuição das estimativas de produtividade, mencionou Reilly.

(Reportagem adicional de Michael Hogan em Hamburgo e Naveen Thukral em Cingapura)

tagreuters.com2019binary_LYNXMPEFAI24R-VIEWIMAGE