Como Ajax foi de sensação a decepção da Champions em sete meses
Esporte

Como Ajax foi de sensação a decepção da Champions em sete meses

portalmixvaleultimasnoticias1200 (1)

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Na temporada passada o Ajax esteve a segundos de jogar a final da Liga dos Campeões da Europa. Nesta, o time holandês foi eliminado nesta terça (10) na fase de grupos, após derrota em casa para o Valencia (ESP) por 1 a 0. A diferença está principalmente nas ausências de De Ligt e De Jong, joias vendidas em um mercado da bola agressivo do qual nem mesmo um tetracampeão europeu foi capaz de se esquivar.
Na última janela de transferências, Matthijs De Ligt foi vendido à Juventus por 85,5 milhões de euros (cerca de R$ 360 milhões à época), enquanto Frenkie De Jong custou ao Barcelona 75 milhões de euros (R$ 325 mi). Um tinha 19 anos; o outro, 22. Também cobiçados, David Neres e Donny van de Beek continuaram no Ajax.
Fiel a seu modelo de negócios, o clube holandês reinvestiu em substitutos apenas 17% do que recebeu nas vendas. Contratou o zagueiro romeno Razvan Marin, de 23 anos, e o meio-campista argentino Lisandro Martínez, de 21. Ambos ainda estão longe do nível dos antigos titulares, e a transição custa ao Ajax alguns degraus na hierarquia do futebol europeu.
Mesmo os que ficaram não vivem a mesma fase. Tadić, por exemplo, viu a espantosa média de gols que tinha cair quase pela metade (agora tem um gol a cada 235 minutos). Já Ziyech lidera a Champions League em assistências (quatro), mas também marca menos gols. David Neres, por fim, sofreu lesão que interrompeu uma temporada que prometia ser ainda melhor que a anterior. No geral, faltaram protagonistas a um time que estava cheio deles até junho.
O momento crucial da eliminação do Ajax talvez tenha acontecido na quarta rodada da fase de grupos, há um mês, na visita ao Chelsea. O time holandês chegou a ter três gols de vantagem, mas deixou a vitória escapar em um confronto que praticamente garantiria a sua classificação. Em um único lance, teve dois jogadores expulsos e um pênalti marcado contra si. Daí em diante derreteu na partida e tomou empate -o jogo terminou em 4 a 4.
Os classificados do Grupo H foram Valencia e Chelsea, ambos com 11 pontos (um acima do Ajax). Os holandeses passam a disputar a Liga Europa em paralelo ao campeonato nacional, no qual é líder com três pontos de vantagem sobre o AZ Alkmaar.

To Top