Demora para ter o pagamento de atrasados no INSS

Previdência Social
Previdência Social

Demora para ter o pagamento de atrasados no INSS. O aposentado José Roberto Ferreira, 56 anos, aguarda há mais de um ano o pagamento de atrasados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Ele diz que, além de ter esperado mais de três anos e meio pela concessão do benefício, agora não consegue receber a diferença retroativa dos meses devidos.

“A solicitação da aposentadoria foi feita em novembro de 2015 e só tive a concessão em julho de 2019. Já efetuei mais de quatro solicitações de pagamento não recebido, mas só aparece que está em auditagem.”

O pedido pode ser feito pelo aplicativo ou site do Meu INSS (https://meu.inss.gov.br). O segurado deve fazer login e clicar em “Agendamento/Solicitações” e, depois, em “Novo requerimento”. No campo de pesquisa, digite a frase “não recebido” e selecione a opção “Solicitar pagamento de benefício não recebido”.

“Já fiz vários contatos e é sempre a mesma resposta, que está em análise. Já foi difícil a concessão e agora mais essa. Estou preocupado, precisando que os atrasados sejam pagos.”

Tem direito de receber os atrasados o segurado que pede a concessão de um benefício ou que consegue uma revisão. O valor é a diferença retroativa que não foi paga e, no caso da concessão, é devida pelo período de espera do benefício.

A grana retroativa começa a contar a partir da DER (Data de Entrada do Requerimento), que é o dia em que o cidadão agenda o benefício. No caso das revisões, os atrasados são as diferenças não pagas em até cinco anos antes do pedido.1 5

Quem ganha ação contra o INSS tem direito a atrasados

INSS está analisando pedido

Em nota por meio de sua assessoria de imprensa, o INSS esclarece que o valor devido ao segurado foi enviado ao setor técnico do órgão para auditagem e posterior liberação.

“O senhor José Roberto Ferreira pode acompanhar seu processo e verificar quando o valor estará disponível para recebimento pelos canais remotos do INSS.”

O acesso pode ser feito pelo site https://meu.inss.gov.br/, pelo aplicativo Meu INSS ou pelo telefone 135. A central telefônica funciona de segunda a sábado, das 7h às 22h.