Petrobras recebe oferta da SBM para fornecimento de plataforma Mero 4, dizem fontes
Business

Petrobras recebe oferta da SBM para fornecimento de plataforma Mero 4, dizem fontes

Petrobras recebe oferta da SBM para fornecimento de plataforma Mero 4, dizem fontes

A Petrobras recebeu apenas uma proposta, da holandesa SBM Offshore, em licitação da estatal para contratar a construção da plataforma Mero 4, que será alocada no campo de Mero, no pré-sal da Bacia de Santos, afirmaram à Reuters duas fontes com conhecimento do assunto.

O plano de negócios da Petrobras prevê a entrada em operação de Mero 4 em 2025, com capacidade para produzir 180 mil barris de petróleo por dia.

Procurada, a Petrobras e a SBM informaram que não iriam comentar.

Uma das fontes comentou que é a “primeira vez em muito tempo que a Petrobras recebe apenas uma proposta” em uma licitação, em um sinal de que o mercado de afretamento de plataformas pode já não ter mais tanto espaço em suas carteiras para absorver novas demandas.

Em janeiro, a Petrobras realizou a primeira licitação para a contratação de plataformas próprias em mais de sete anos, enquanto busca diversificar seus fornecedores de unidades de produção. Na ocasião, a companhia recebeu três propostas, formuladas pelas empresas Keppel, Samsung e Daewoo, para a construção das plataformas P-78 e P-79.

Segundo informações anteriores passadas pela Petrobras, o campo de Mero é o terceiro maior do pré-sal e está localizado na área de Libra, primeira a ser licitada no Brasil sob regime de partilha de produção, em 2013.

Mero receberá neste ano sua primeira plataforma definitiva de produção, segundo prevê seu plano de negócios.

A área é operada pela Petrobras, com 40% de participação, em parceria com Shell (20%), Total (20%), além das chinesas CNODC e CNOOC, cada uma com 10% de participação.

(Por Marta Nogueira)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH1M1HH-BASEIMAGE

To Top