Últimas Notícias

Renan ganha mais chances e já vive ‘sonho’ no Palmeiras

portalmixvalegoogle

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Herói da vitória do Palmeiras sobre o Universitario (PER) na estreia na Libertadores, na quarta-feira (21), ao marcar gol de cabeça no último lance da partida, o zagueiro Renan, 18, ainda assume que ainda não assimilou o feito.

“Parece que não acordei ainda, que estou vivendo um sonho depois de ter feito o gol. Nem nos meus melhores sonhos eu imaginei fazer um gol na Copa Libertadores da maneira que foi. Foi um gol muito importante e que vai nos ajudar muito na competição”, disse ao “Seleção” (SporTV).

O defensor, que só entrou na partida no segundo tempo, após a expulsão do também zagueiro Alan Empereur, afirmou que o gol marcado foi fruto de muito trabalho e revelou que sabia onde a bola iria chegar para fazer o cabeceio, que decretou o placar de 3 a 2.

“O lance do gol é uma jogada que a gente treina bastante. Eu percebi que o Scarpa ia bater e conheço bem como ele bate na bola. Normalmente, a bola dele vem muito rápida, e percebi que tinha um espaço em que eu poderia atacar a bola para fazer o gol. Confesso que eu não vi que o Rony estava ali, não vi ninguém. Só olhei para a bola e tentei direcionar para o gol”, disse.

Formado nas categorias de base do clube, o jovem disse ainda acreditar que o sucesso recente de outros garotos no profissional tem contribuído para a transição de quem sobe: “Acho que o fato de ter o Patrick de Paula, Danilo e Gabriel Menino jogando regularmente me dá mais tranquilidade. É importante ter a confiança dos companheiros que eu já conheço e assim consigo me adaptar mais rápido ao profissional”.

Pouco utilizado em 2020, Renan tem tido mais oportunidades na atual temporada, em que o time alviverde já enfrenta maratona de jogos. Nesta sexta (23), quando o Palmeiras já voltará a campo, contra o Guarani, agora pelo Campeonato Paulista, ele poderá ser titular.

GUARANI

Rafael Martins; Ludke, Romércio, Airton e Bidú; Bruno Silva, Andrigo e Rodrigo Andrade; Davó, Júlio César e Bruno Sávio. T.: Allan Aal

PALMEIRAS

Weverton (Vinícius Silvestre); Mayke, Empereur, Kuscevic (Renan) e Viña (Victor Luis); Felipe Melo (Danilo Barbosa), Zé Rafael e Scarpa; Giovani, William e Wesley. T.: Abel Ferreira

Estádio: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)

Horário: 20 (de Brasília) desta sexta-feira (23)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo

VAR: Marcio Henrique de Gois

Transmissão: Premiere

To Top