Economia

Lucro da Eneva dispara com maior geração térmica pela crise hídrica

Lucro da Eneva dispara com maior geração térmica pela crise hídrica

A empresa de energia Eneva anunciou nesta quinta-feira uma disparada em seu lucro líquido do terceiro trimestre, que atingiu o melhor resultado da história para o período, com ganhos impulsionados pelo maior despacho de suas usinas termelétricas, enquanto o país lida com a crise hidrelétrica.

O resultado líquido da empresa atingiu 362,6 milhões de reais, alta de alta de 553% ante o mesmo período do ano passado.

Já o indicador de geração de caixa (Ebitda ajustado) quase dobrou para 573 milhões de reais no terceiro trimestre.

“Geramos energia na base durante todo o trimestre para garantir estabilidade e segurança ao sistema, por meio de uma energia firme que ajudou a assegurar o suprimento para o país. Esse cenário trouxe um resultado muito forte para a nossa companhia no terceiro trimestre”, disse o diretor financeiro da Eneva, Marcelo Habibe.

Segundo ele, o cenário é favorável, “pois vamos ter a entrada em operação do nosso projeto integrado Azulão-Jaguatirica que vai contribuir para o quarto trimestre”.

A Eneva informou que todas as usinas permaneceram despachadas no terceiro trimestre com despacho médio de 98%, versus 24% no mesmo período do ano passado.

“A elevação do despacho no trimestre se deve à combinação dos efeitos de piora do cenário hidrológico e à crescente demanda por energia, em linha com a sazonalidade esperada para o período”, pontuou a empresa em nota.

Já a produção de gás aumentou 260% no terceiro trimestre em comparação ao mesmo período de 2020, em resposta ao maior despacho das usinas a gás.

(Por Roberto Samora)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEHA319T-BASEIMAGE

To Top