Últimas Notícias

Índia suspende exportação de trigo e pode agravar crise de abastecimento mundial

portalmixvalegoogle

MUMBAI (Índia)  e WEISSENHAUS (Alemanha) – A Índia proibiu as exportações de trigo neste sábado, apenas alguns dias depois de dizer que estava visando embarques recordes este ano, uma vez que uma onda de calor escaldante reduziu a produção e os preços domésticos dispararam para uma alta histórica.

Parece, mas não é:
Depois do McPicanha, veja produtos que têm nomes e embalagens que induzem consumidor ao erro: Trakinas, Alpino, leite Ninho

Guerra:
G7 promete manter pressão econômica sobre a Rússia

Entenda:
Bitcoin caiu mais de 50% em 6 meses. Analista fala em ‘massacre da serra elétrica’

A medida foi duramente criticada pelos ministros de Agricultura do G7, reunidos na Alemanha, que afirmaram que a decisão do governo indiano “agravará a crise” de provisionamento mundial de cereais provocada pela guerra da Ucrânia. 

“Se todos começarem a restringir exportações ou fechar seus mercados, a crise se agravará e isso prejudicará também a Índia e seus agricultores”, disse o ministro alemão, Cem Özdemir.

“Instamos a Índia a assumir suas responsabilidades como membro do G20”, grupo que reúne as principais economias e países emergentes, acrescentou.

Retaliação:
Portugal bloqueia venda da mansão de Abramovich, no Algarve, diz jornal Publico

Özdemir destacou que o G7 “tem se pronunciado contra as restrições a exportações e defendido a manutenção dos mercados abertos”.

O governo indiano disse que permitirá apenas as exportações apoiadas por cartas de crédito já emitidas e para países que solicitem suprimentos “para atender às suas necessidades de segurança alimentar”.

Acabou a festa?
Conheça os bilionários que viram suas fortunas derreterem com a queda das criptomoedas

Os compradores globais estavam apostando no fornecimento do segundo maior produtor de trigo do mundo depois que as exportações da região do Mar Negro caíram após a invasão da Ucrânia pela Rússia em 24 de fevereiro. Antes da proibição, a Índia pretendia embarcar um recorde de 10 milhões de toneladas este ano.

To Top