Benefícios

É necessário ter um advogado para aposentadoria do INSS?

aplicativo previdencia social e inss
rafapress/Shutterstock.com

Muitos trabalhadores que estão próximos da aposentadoria enfrentam uma questão crucial: será que devem buscar a assessoria de um advogado especializado em direito previdenciário? Com os avanços tecnológicos, o INSS tornou seus serviços mais acessíveis por meio de aplicativos e sites, simplificando as solicitações de benefícios e procedimentos previdenciários.

Apesar de ser possível lidar com as solicitações de forma independente, a decisão de contratar um advogado pode depender de vários fatores, incluindo aspectos econômicos e o conhecimento sobre as leis e procedimentos previdenciários. Com mais de sete anos de experiência na área, especialistas apontam que muitos segurados acabam sendo prejudicados pela falta de orientação, recebendo benefícios inferiores ao que lhes é de direito.

Há diversas razões pelas quais contar com um advogado especializado pode fazer toda a diferença:

  1. Aumento das Chances de Concessão na Fase Administrativa: Com o aumento das negativas de benefícios desde 2019, ter um advogado desde o início do processo pode significativamente aumentar as chances de concessão do benefício. O especialista pode orientar o segurado na documentação necessária, evitando recusas e agilizando o processo.
  2. Análise da Trajetória Profissional: Um advogado especializado pode identificar aspectos da trajetória profissional do segurado que podem contribuir significativamente para sua aposentadoria, como períodos específicos de trabalho e recolhimentos em atraso para aumentar o tempo de contribuição.
  3. Conhecimento das Diferentes Modalidades de Aposentadoria: Com várias opções disponíveis, um advogado pode analisar a situação do segurado e orientá-lo sobre a modalidade mais vantajosa, considerando as mudanças nas regras previdenciárias pós-Reforma de 2019.
  4. Auxílio em Outros Procedimentos Previdenciários: Além da aposentadoria, um advogado pode oferecer orientação sobre outros benefícios, como auxílio-doença, pensão por morte e benefícios assistenciais, assegurando que o segurado esteja ciente de todas as opções disponíveis.
  5. Planejamento de Aposentadoria Antecipado: Mesmo para aqueles que não estão próximos da aposentadoria, um advogado especializado pode auxiliar no planejamento futuro, simulando o benefício, determinando o melhor momento para dar entrada no INSS e estimando o valor da renda inicial.
  6. Expertise e Orientação Especializada: Contratar um advogado proporciona ao segurado a orientação de um profissional com conhecimento profundo das leis previdenciárias e do funcionamento do INSS, aumentando as chances de alcançar os resultados desejados.

Em resumo, embora seja possível conduzir o processo de aposentadoria de forma independente, contar com a orientação de um advogado especializado pode evitar perdas de tempo e garantir que o segurado receba o benefício integral ao qual tem direito.

To Top