Benefícios

Calendário do Bolsa Família de pagamentos e os valores atualizados

Todas as modalidades do Bolsa Família em 2019. Criado em 2014, o Bolsa Família é o maior programa de distribuição de renda do Brasil. Através da Lei 10836

No ano de 2018, o ministérios divulgou os reajustes e o calendário de pagamento do Bolsa Família.  Para saber quando o seu benefício estará disponível para saque em cada mês, basta observar  no calendário do bolsa família 2018, qual é o último número do seu cadastro (NIS) presente no Cartão Bolsa Família. O Bolsa Família é o maior projeto de distribuição de renda para cidadãos do Brasil, e foi criado no ano de 2004, através da Lei 10836 e tem por objetivo combater a pobreza e miséria no país. Se você é beneficiário, confira logo abaixo o calendário do Bolsa Família 2018, o valor e as regras do programa.

O Bolsa família tem reconhecimento internacional por ter sido bem-sucedido na distribuição de renda, e atualmente é controlado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

A numeração começa em “1” e termina em “0”.

Quem tem direito ao Bolsa Família?
Para receber o Bolsa Família, é necessário que a família comprove situação de pobreza ou extrema pobreza. A média de renda por pessoa da família não pode ser maior do que R$170,00 por mês. Para fazer esse calculo, some a renda de todos os integrantes da família e divida pelo número de pessoas.

Por exemplo, João ganha 500 reais por mês, Maria ganha 300 reais por mês e têm 3 filhos menores que não trabalham. Logo, 500 + 300 é igual a 800. A família tem 5 membros: João, Maria e os 3 filhos. Então, para saber a renda média, divida 800 reais por 5, que será igual a 160 reais por pessoa. Logo, a família de João e Maria podem receber Bolsa Família, pois a renda por pessoa é menor do que 17o reais por mês.

Requisitos para o Bolsa Família 2018
Além da renda, o benefício só é dado às famílias que cumprem os requisitos com as crianças: Todos os filhos menores de 14 anos devem estar matriculados na escola, tem que ter frequência nas aulas superior a 75% e precisam estar com a carteira de vacinação em dia.

Caso a família não cumpra alguma dessas obrigações, o benefício é cortado até que a situação seja regularizada.

Como se inscrever no Bolsa Família 2018?
Para inscrever sua família no programa, o representante da família (pai, mãe ou responsável) deve ir até secretaria de assistência social de sua cidade e levar os documentos pessoais juntamente com a documentação de todas as pessoas com que convive na casa, bem como os comprovantes de renda e carteira de trabalho de todos os moradores da casa.

Se você tem filhos em idade escolar, é necessário também levar atestado de matrícula e frequência da escola (retirar esse documento gratuitamente na secretaria da escola de seus filhos) e a carteira de vacinação de todos os filhos.

É possível inscrever até 5 dependentes por cada família que, nesse caso, pode ser 3 crianças e 2 jovens.

Valor do Bolsa Família 2018
Todos os anos o Governo Federal realiza um reajuste no valor do Bolsa Família. Esse reajuste ocorre de acordo com o imposto pelo Governo e que está dentro da economia do país, já que atualmente, o Brasil passa por dificuldades financeiras.

O valor do benefício varia de família para família, de acordo com a composição de cada grupo familiar. As composições de valores do benefício são as seguintes:

O Benefício básico, pago as pessoas mais pobres, em que a renda familiar não passe de R$85,00 por pessoa ao mês, independentemente do número ou da idade dos membros da família. O benefício básico é de R$85,00 ao mês;
O Auxílio variável é pago por cada membro da família com idade entre 0 a 15 anos. Esse benefício é de R$39,00 por criança, sendo possível cadastrar no máximo 5 filhos ou dependentes;

O Auxílio variável jovem é pago a jovens com idade entre 16 e 17 anos, sendo possível cadastrar até 2 jovens no grupo familiar, no valor de R$ 45,00 por cada jovem cadastrado. O jovem só recebe o auxílio se estiver em dia com os estudos;

O quarto benefício é o de superação da extrema pobreza, pago a famílias em que a renda familiar não ultrapasse os R$85,00 por pessoa ao mês. O cálculo desse benefício varia de acordo com a renda e a situação familiar. É possível acumular os quatro benefícios.
Saldo do Bolsa Família Online

Para consultar o saldo do seu Bolsa Família 2018 na internet, acesse o site da Caixa através deste link.

Informe o número do seu NIS (PIS/PASEP, número que se encontra no seu cartão Bolsa Família) e sua “Senha internet”.
Se não tiver é só clicar sobre o botão “Cadastrar senha” para criar a sua.

Após preencher corretamente o formulário é só clicar sobre o botão “Enviar” para que o sistema lhe apresente a área exclusiva com todas as informações referentes ao seu beneficio.

Como sacar o Bolsa Família
Para sacar o benefício, o titular deve ir até uma uma agência da Caixa Econômica Federal, posto de atendimento da Caixa, lotérica ou caixa eletrônico da CEF com o cartão do Bolsa Família e um documento de identidade.

Vale lembrar que apenas o titular do cartão é autorizado a sacar o valor do Bolsa Família.

Poupança Bolsa Família
A Caixa disponibiliza uma Poupança Caixa Fácil, que é uma conta bancária simples, aonde você pode guardar com segurança seu dinheiro, além de usar cartão de débito para fazer compras.

Esta conta pode ser aberta em qualquer Casa Lotérica ou Correspondentes Caixa Aqui, e pode fazer movimentações financeiras mensais de até R$ 3.000,00. Ou seja, se alguém precisa depositar um dinheiro para você, é possível usar a conta poupança normal.

Dúvidas e reclamações sobre o Bolsa Família 2018
Todos os beneficiários do bolsa família possuem dúvidas sobre o programa, e para esclarecer essas dúvidas e ficar por dentro de todas as informações, existem alguns meios de comunicação disponíveis, confira alguns deles abaixo:

Internet: Ao acessar a página do novo calendário do bolsa família você terá disponível informações sobre a legislação do Programa Bolsa Família e do CadÚnico, Central de Sistemas e Instruções Operacionais.
Telefone: Basta discar o número 0xx61-3433-1500 que você terá atendimento da Coordenação de Atendimento da Senarc. O gestor do programa contará com um atendimento especializado e realizado por técnicos.
Telefone da Caixa Econômica Federal: Além dos métodos acima, você também poderá telefonar para uma agência da Caixa, por meio do número 0800 726 0104, o funcionamento do atendimento corre entre as 7 e as 20 horas. Ao realizar a ligação você receberá suporte em relação a municípios e estados, fazendo dessa forma, com que você esclarece problemas decotados na utilização de  aplicativos e sistemas, tais como: Sibec, CadÚnico e Conectividade Social.

To Top