Benefícios

Gasolina sobe em 24 Estados e no DF, diz ANP; valor médio avança 1,01% no País

Gasolina sobe em 24 Estados e no DF, diz ANP; valor médio avança 1,01% no País

Gasolina sobe em 24 Estados e no DF, diz ANP; valor médio avança 1,01% no País. O valor médio da gasolina vendido nos postos brasileiros avançou em 24 Estados brasileiros e no Distrito Federal na semana passada, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pelo AE-Taxas. Houve recuo apenas no Amazonas e na Bahia.

Na média nacional, o preço médio avançou 1,01% na semana passada ante a anterior, de R$ 4,358 para R$ 4,402.

Em São Paulo, maior consumidor do País e com mais postos pesquisados, o litro da gasolina subiu 1,13%, de R$ 4,086 para R$ 4,132, em média.

No Rio de Janeiro, o combustível subiu 0,56%, de R$ 4,815 para R$ 4,842, em média.

Em Minas Gerais, houve alta no preço médio da gasolina de 0,26%, de R$ 4,648 para R$ 4,660 o litro.

Bolsonaro propõe salário mínimo de R$ 1.040 em 2020, sem aumento real

Pela primeira vez, o valor do salário mínimo ultrapassará R$ 1 mil. O governo propôs salário mínimo de R$ 1.040 para 2020, o que representa alta de 4,2% em relação ao atual (R$ 998). O valor consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, apresentado hoje (15) pelo secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues.

Até este ano, o mínimo era corrigido pela inflação do ano anterior medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) de dois anos anteriores. Como a lei que definia a fórmula deixará de vigorar em 2020, o governo optou por reajustar o mínimo apenas pela inflação estimada para o INPC.

A LDO define os parâmetros e as metas fiscais para a elaboração do Orçamento do ano seguinte. Pela legislação, o governo deve enviar o projeto até 15 de abril de cada ano. Caso o Congresso não consiga aprovar a LDO até o fim do semestre, o projeto passa a trancar a pauta. O valor do salário mínimo pode subir ou cair em relação à proposta original durante a tramitação do Orçamento, caso as expectativas de inflação mudem nos próximos meses.

To Top