Clientes terão prazo maior para pagar dívidas com os Bancos
Bancos

Clientes terão prazo maior para pagar dívidas com os Bancos

BoletosvencidosacimadeR800reaiscomeamaseraceitosemqualquerbanco

Clientes terão prazo maior para pagar dívidas com os Bancos. A pandemia de coronavírus não isenta o consumidor de pagar as contas em dia. Boletos de água, luz, telefone e demais cobranças precisam ser quitados conforme o vencimento.

A boa notícia é que cinco bancos do país estão dispostos a negociar pedidos de prorrogação, por 60 dias, de vencimentos de dívidas de pessoas físicas e micro e pequenas empresas.

A medida vai valer para clientes da Caixa, do Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander que tenham contratos de crédito em geral feitos com dinheiro do banco, desde que estejam com as prestações em dia.

Exemplos de débitos que poderão ser negociados são faturas do cartão de crédito, empréstimos pessoais e crédito imobiliário. Contas de consumo não entram no acordo anunciado pela Febraban (federação dos bancos).

A entidade informou que cada banco irá definir que tipo de dívida poderá ser prorrogada e que os clientes devem levantar as informações junto à sua instituição financeira, por telefone ou pela internet, antes de irem às agências.

Regras
O Itaú divulgou que, para empréstimo pessoal e capital de giro, é possível postergar o vencimento da próxima parcela com o Itaú Crédito Sob Medida, que permite a alteração da data original. Assim, o cliente modifica o contrato e, ao escolher nova data de vencimento, poderá prorrogar por até 60 dias o pagamento.

Para quem tem financiamento de imóvel ou veículo em dia, a parcela seguinte poderá ser postergada por 60 dias. Durante o período, será mantida a mesma taxa de juros, sem a cobrança de multa.

Para mais informações, o cliente deve acessar https://www.itau.com.br/emprestimos-financiamentos/.

O Santander diz que a prorrogação por até 60 dias do vencimento de parcelas de crédito abrangerá algumas linhas de crédito pessoal, preventivo, direto ao consumidor e imobiliário.

O banco anunciou também que vai aumentar em 10% os limites dos cartões de crédito para os clientes que estejam com o pagamento das faturas em dia.

Perguntado pelo Agora, o Banco do Brasil afirmou que divulgará informações nos próximos dias. Caixa e Bradesco não responderam até a conclusão desta edição.

To Top