Preços do petróleo recuam com mercado ignorando tempestade no Golfo do México
Agro

Preços do petróleo recuam com mercado ignorando tempestade no Golfo do México

tagreuters com2020binary LYNXMPEG8D23Q BASEIMAGE

Por Jessica Resnick-Ault

NOVA YORK (Reuters) – Os preços do petróleo tiveram leve queda nesta segunda-feira, em meio a preocupações com uma estagnação da recuperação econômica global e à iminência da retomada de produção na Líbia, com o mercado falhando em obter suporte de uma tempestade que afeta o bombeamento da commodity nos Estados Unidos.

O petróleo Brent fechou em queda de 0,22 dólar, ou 0,6%, a 39,61 dólares por barril, enquanto o petróleo dos EUA (WTI) recuou 0,07 dólar, ou 0,2%, para 37,26 dólares o barril.

Ambos os contratos haviam acumulado baixas na semana passada, a segunda consecutiva de recuos.

“A tempestade está interrompendo a produção no Golfo do México e o mercado nem se importa –isso mostra o quão ruim está a situação”, disse Bob Yawger, diretor de futuros de energia da Mizuho em Nova York.

O furacão Sally ganhou força no Golfo do México e oeste da Flórida no domingo e deve se tornar um furacão de categoria 2. Isso levou petroleiras a interromper 21,4% da produção “offshore” de petróleo no Golfo, o equivalente a 395.790 barris por dia, disse o governo dos EUA nesta segunda-feira.

Os preços do petróleo costumam subir quando há interrupções de produção –mas diante da piora da pandemia de coronavírus, a preocupação com a demanda tem se mantido no centro das atenções, enquanto a oferta global segue crescendo.

(Reportagem adicional de Noah Browning e Aaron Sheldrick)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG8D23Q-BASEIMAGE

To Top