Veja as parcelas do seguro desemprego atraés do INSS

carteira trabalho e celular
SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, SP - 06.10.2020: CAIXA LIBERA SAQUES DE FGTS EMERGENCIAL - Caixa Econômica Federal avança com os calendários de saques do auxílio emergencial e do FGTS emergencial, benefícios concedidos pelo Governo Federal com o objetivo de amenizar os impactos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus. (Foto: Luis Lima Jr /Fotoarena/Folhapress) ORG XMIT: 1974791

Veja as parcelas do seguro desemprego atraés do INSS. Internauta está na dúvida se pode acumular os dois benefícios; confira quem pode receber o seguro-desemprego e onde requerer.

Quem recebe pensão por morte tem direito a receber as parcelas do seguro desemprego se for mandado embora do trabalho?

Resposta: Sim.

Apesar de o seguro-desemprego não poder ser pago a quem recebe benefícios da Previdência Social, essa regra não se aplica aos beneficiários da pensão por morte e do auxílio-acidente.

carteira de trabalho
SANTOS, SP, 29.09.2020 – DÓLAR-ECONOMIA – O dólar comercial fechou em alta de 1,42%, vendido a R$ 5,633, após o governo anunciar que pretende usar parte dos recursos do novo Fundeb e de precatórios para bancar o novo programa social que substituirá o Bolsa Família. maior valor de fechamento da moeda americana em mais de quatro meses, desde 20 de maio, quando foi a R$ 5,689. (Foto: Guilherme Dionizio/Folhapress)

Quem tem direito ao seguro-desemprego?

Tem direito ao seguro desemprego o trabalhador que:

– Tiver sido dispensado sem justa causa;

 – Estiver desempregado, quando do requerimento do benefício;

 – Tenha recebido salários de pessoa jurídica ou pessoa física equiparada à jurídica (inscrita no CEI) relativos a:

– pelo menos 12  meses nos últimos 18 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando da primeira solicitação;

– pelo menos 9 meses nos últimos 12 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando da segunda solicitação; e

– cada um dos 6 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando das demais solicitações;

– Não possuir renda própria para o seu sustento e de sua família;

– Não estiver recebendo benefício de prestação continuada da Previdência Social, exceto pensão por morte ou auxílio-acidente.

Onde requerer o seguro-desemprego?

Pelo Portal Gov.br ou Aplicativo Carteira de Trabalho Digital, nas versões Android ou iOS.

O benefício ainda pode ser requerido nas SRTE – Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego, SEPT, SINE – Sistema Nacional de Emprego e outros postos credenciados pelo ME – Ministério da Economia.

Fonte: Caixa Econômica Federal

Fonte: R7