Curiosidade: Quem Produz o Whey Protein?
Agência Brasil

Curiosidade: Quem Produz o Whey Protein?

Curiosidade: Quem Produz o Whey Protein?

Todos aqueles que gostam de ir à academia, com certeza já ouviram falar do famoso Whey Protein, que é um suplemento alimentar que faz crescer a massa magra do corpo humano. Ou seja, os músculos.

Mas você sabe como ele é feito? Quais são as marcas que o produzem? Então, leia até o final e tire todas as suas dúvidas!

O Whey é produzido através de duas proteínas, que são encontradas no leite: a beta glubina e a alfa glubina. Sendo que a beta está presente em maior quantidade. Por isso, o produto é absorvido com mais facilidade pelo sistema digestivo.

Ele também é o responsável por fornecer diversos aminoácidos que não são produzidos no organismo.

Além de ter BCAA em abundância, que são aminoácidos de cadeia ramificada (a valina, a isoleucina e a leucina). Todos contribuem para produzir fibras dos músculos.

Geralmente, esses produtos são importados. Por isso, seu preço é um pouco caro. Mas, hoje em dia, já existe uma fábrica aqui no Brasil, a Nutrifont. Ela foi inaugurada em 2015, no Rio Grande do Sul.

O Whey Protein pode ser consumido com leite ou batido com alguma fruta. Contudo, o ideal é consumir com água mesmo.

Se você pretende tomar Whey Protein para potencializar os resultados dos seus exercícios, consulte um nutricionista antes e faça uma dieta balanceada.

Quem Produz Whey Protein?

As marcas mais conhecidas e vendidas hoje em dia são:

·         Whey Protein Gold Standard – Optimum Nutrition;

·         Nutri Whey Protein Refil – Integralmedica;

·         Whey Protein Hidrolisado – Dux Nutrition;

·         100% Whey Protein – Max Titanium;

·         Whey 100% Pure Refil – Integralmédica;

·         Whey Iso Triple Zero – Integralmédica;

·         Whey Hidrolisado ISO 100 – Dymatize Nutrition;

Quais São os Tipos de Whey Que Existem?

Atualmente, existem três tipos de Whey Protein no mercado. São eles: o concentrado, o hidrolisado e o isolado.

Abaixo você vai conhecer as diferenças entre cada um, para que não haja dúvidas na hora de escolher o melhor para você, para seu treino e para seu bolso.

·         Concentrado: nele, o soro do leite é feito a partir de apenas uma filtragem, conservando os minerais, a gordura, os carboidratos e a lactose. Sua dose tem teor proteico mais baixo. A absorção e a digestão da proteína é mais lenta do que nos outros tipos. É geralmente o mais barato;

·         Hidrolisado: é o tipo de Whey Protein cujos aminoácidos foram quebrados a partir de um processo, para que a digestão e a absorção no organismo fossem facilitadas. É uma boa opção para quem tem problema ao consumir os outros tipos de Whey, e também para aqueles que sofrem com gases. Porém, é o mais caro dos três;

·         Isolado: é onde a proteína é a mais pura possível, tendo mais de 90% em sua composição. O teor de gordura é bem baixo, assim como os carboidratos. É feito a partir de técnicas bem controladas de filtragem e extração. É absorvido com mais rapidez e tem mais aminoácidos do que o concentrado.

Quem Pode Tomar?

Qualquer pessoa que busque a hipertrofia, que é o aumento de força e de músculos, pode tomar Whey Protein. O recomendado é ingerir logo depois de um exercício de alta intensidade como, por exemplo, a musculação, a corrida, o triatlo ou a bicicleta.

Mas quem precisa emagrecer também pode tomar, pois a proteína é um nutriente que sacia. Por isso, quem consome os melhores whey protein tende a ter menos fome.

Porém, é importante consultar um nutricionista antes de iniciar o consumo. Assim como também é importante manter uma boa rotina de exercícios, para que o objetivo de perda de peso seja atingido.

Quanto Pode Ser Consumido?

O ideal é consumir cerca de 1,2 a 2 gramas do Whey Protein por quilo do seu peso. Isso significa que uma pessoa que pesa 70 quilos, por exemplo, precisa ingerir de 84 a 140 gramas por dia, levando em conta as outras fontes de proteína, como, por exemplo, os ovos, o frango, a carne, o leite, o queijo entre outros.

O ideal é que a dose seja de 20 a 25 gramas do Whey Protein, e o restante por meio dos alimentos. Mas vale frisar que é importante consultar um nutricionista antes, para que ele monte uma dieta de acordo com a necessidade do seu corpo.

Pois ele é a pessoa mais indicada para avaliar quanto você deve consumir por dia de Whey Protein. 

To Top