Asia

Café arábica despenca para nova mínima de 13 anos e meio na ICE

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do café arábica na ICE caíram para uma mínima de 13 anos e meio nesta quarta-feira, pressionados pelo contínuo excesso de oferta e pelo real mais fraco no Brasil, enquanto a açúcar bruto recuou 1 por cento.

CAFÉ:

* O contrato julho do café arábica fechou em queda de 3,3 centavos de dólar, ou 3,6 por cento, a 89,65 centavos de dólar por libra-peso, após cair para 89 centavos, mínima para o segundo mês desde setembro de 2005.

* A safra recorde do ano passado no Brasil continua a empurrar o mercado para baixo, e a aproximação da colheita deste ano, que deve ganhar ritmo no próximo mês, também é um fator baixista, segundo operadores.

* O real mais fraco no Brasil também pressionou os preços, disseram operadores, já que pode encorajar a venda de commodities precificadas em dólar. O real atingiu seu pior nível ante o dólar em quase três semanas.

* Neste ano, o vencimento já recuou quase 15 por cento até aqui.

* “É um mercado difícil, que não mostra sinais de recuperação iminente”, afirmou um operador norte-americano.

* O contrato julho do café robusta fechou em queda de 19 dólares, ou 1,3 por cento, a 1.412 dólares por tonelada.

AÇÚCAR:

* O contrato maio do açúcar bruto cedeu 0,16 centavo de dólar, ou 1,3 por cento, e fechou a 12,35 centavos de dólar por libra-peso.

* O mercado carece de tendências claras, com preços próximos ao centro do intervalo de operações deste mês, que varia de 12,29 centavos a 12,84 centavos de dólar.

* O contrato agosto do açúcar branco encerrou a sessão em queda de 3,50 dólares, ou 1 por cento, a 332,40 dólares a tonelada.

* O prêmio do açúcar branco se manteve fraco, prejudicando a rentabilidade de refinarias autônomas, afirmaram operadores.

* A fabricante de açúcar francesa Cristal Union fechará duas unidades no país, informou nesta terça-feira o jornal “L’Opinion”, citando fontes anônimas.

(Reportagem de Ayenat Mersie em Nova York e Nigel Hunt em Londres)

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF3G1MG-BASEIMAGE

To Top