Asia

Índices da China fecham em baixa após questão de Hong Kong retomar dúvidas comerciais

Índices da China fecham em baixa após questão de Hong Kong retomar dúvidas comerciais

XANGAI (Reuters) – Os índices acionários da China fecharam em baixa nesta quinta-feira com os investidores temendo que a decisão do governo dos Estados Unidos de promulgar uma lei apoiando os manifestantes em Hong Kong possa prejudicar um acordo comercial provisório entre Washington e Pequim.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,34%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,47%.

A China alertou os Estados Unidos nesta quinta-feira de que vai adotar “contramedidas firmes” depois que Trump promulgou lei na quarta-feira que defende os manifestantes de Hong Kong. Isso traz nova incerteza para as negociações comerciais.

Os investidores também estão preocupados com a desaceleração econômica da China.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,12%, a 23.409 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,22%, a 26.893 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,47%, a 2.889 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,34%, a 3.862 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,43%, a 2.118 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,26%, a 11.617 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,46%, a 3.200 pontos.

. Em SYDNEY, o índice S&P/ASX 200 avançou 0,20%, a 6.864 pontos.

tagreuters.com2019binary_LYNXMPEFAR0LB-VIEWIMAGE

To Top