Moraes manda PF abrir inquérito para apurar vazamento de dados de ministros do STF
Brasil

Moraes manda PF abrir inquérito para apurar vazamento de dados de ministros do STF

Moraes manda PF abrir inquérito para apurar vazamento de dados de ministros do STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quarta-feira que a Polícia Federal abra inquérito para apurar vazamento de informações de dados pessoais e sigilosos de ministros da Corte e outras autoridades.

A investigação, segundo o STF, pretende identificar endereços eletrônicos que estariam vendendo ilegalmente os dados, numa apuração que vai correr de forma sigilosa.

Moraes já conduz o inquérito que apura ofensas e ameaças aos ministros do Supremo e, por prevenção, vai assumir o caso do vazamento de dados dos magistrados também.

O presidente do STF, ministro Luiz Fux, pediu providências na segunda-feira a respeito de suposta venda de dados dos magistrados da Corte, noticiada pelo jornal “O Estado de S.Paulo”. Foram enviados ofícios ao ministro da Justiça, André Mendonça, e ao ministro Alexandre de Moraes.

(Reportagem de Ricardo Brito)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH1221N-BASEIMAGE

To Top