Auxílio emergencial: Ainda dá para receber os valores?
Auxílio Emergencial

Auxílio emergencial: Ainda dá para receber os valores?

Novo saque do Auxílio Emergencial liberado na Caixa

Auxílio emergencial: Ainda dá para receber os valores? O cadastro para receber o auxílio emergencial terminou em 2 de julho, mas meio milhão de pedidos ainda estão em análise e os cidadãos poderão ter a grana paga na pandemia de coronavírus.

Quem fez o requerimento entre 17 de junho e 2 de julho e teve a ajuda negada ainda pode contestar a decisão e também receber os R$ 600 ou R$ 1.200, no caso de mães chefes de família.

Independentemente de quando o auxílio for aprovado, o beneficiário tem direito a cinco parcelas.

Em um primeiro momento, o valor fica disponível apenas pelo Caixa Tem, para o pagamento de contas e boletos. Um mês depois, o valor que restar na conta poderá ser sacado ou transferido para outros bancos.

Para quem está com a conta do Caixa Tem bloqueada, a Caixa libera, a partir desta quinta (24), a regularização do acesso. Se o aplicativo informa que há suspeita de fraude, é porque o governo encontrou indícios e, para o desbloqueio, há a necessidade de ir à agência em dia próximo do mês de recebimento, seguindo um dos calendários da Caixa. Veja ao lado as datas.

Já quem teve inconsistência cadastral deve acessar o Caixa Tem e seguir as orientações de envio da documentação por WhatApp. Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, após o recebimento da documentação, a liberação de acesso no Caixa Tem será feita em até 24 horas.

Grana indevida
Toda pessoa que receber o auxílio sem ter direito ao benefício é considerado um fraudador e será responsabilizado pela atitude, segundo informa Guimarães.

É possível devolver o dinheiro por meio do Ministério da Cidadania. Basta acessar o site https://de volucaoauxilioemergenci al.cidadania.gov.br/devolucao, informar o CPF e emitir a GRU (Guia de Recolhimento da União). Assim que o pagamento é identificado, as demais parcelas do auxílio são canceladas.

To Top